Categorias

Pesquisar na Loja

Sistemas de Informação em Enfermagem

PDFImpressãoEmail
Sistemas de Informação em Enfermagem - Uma Teoria Explicativa da Mudança
sys_inf.jpgsys_inf.jpg

Com envio CTT para 4,00 €
Preço base 24,00 €
Preço de venda com desconto
Preço Venda21,60 €
Desconto 2,40 €
Descrição

 

 

ISBN: 972-8485-76-X
Autor: Abel Avelino de Paiva e Silva
Editora: Formasau
Ano de edição: 2006

 

PREFÁCIO

Este livro é a tese de doutoramento do autor, o primeiro enfermeiro doutorado em Ciências de Enfermagem em Portugal. Marca o início de uma época de desenvolvimento de novas modalidades de Sistemas de Informação em Enfermagem, primeiro nos hospitais do norte e, depois, a pouco e pouco, no resto do país. Posteriormente, o sistema foi experimentado para melhorar a comunicação entre hospitais e centros de saúde. A introdução do novo sistema de informação implicou:
- o estudo da forma como os enfermeiros documentam os cuidados e como podem melhorar o registo da apreciação, do diagnóstico de enfermagem, das intervenções e dos resultados dos cuidados de enfermagem;
- a identificação dos diversos factores que interferem na prática profissional, entre os quais a percepção que os enfermeiros têm da utilidade dos registos e do tempo necessário para os realizar;
- a análise da orientação dos enfermeiros para os cuidados de enfermagem o que implica conhecer os conceitos, os valores e a intencionalidade na prática profissional;
- a criação do software apropriado.
O trabalho que o investigador desenvolveu para conseguir o programa informático exigiu uma elevada preparação, para além daquilo que se espera de um enfermeiro, e o apoio técnico de várias entidades. Mas o que, na perspectiva profissional, me parece mais relevante é a análise da orientação dos enfermeiros para os cuidados de enfermagem e a discussão com os colegas.
Em projectos de implementação de novos sistemas de trabalho dos enfermeiros, o factor mais important  é a análise e discussão do que é cuidar em enfermagem, e o que são cuidados de enfermagem, pelas pessoas implicadas na mudança.
Infelizmente, nem sempre este princípio tem sido levado a sério, resultando daí o insucesso de algumas tentativas de mudança. A documentação dos cuidados de enfermagem é um óptimo instrumento para as equipas de enfermeiros reflectirem sobre a sua prática. É essa reflexão que pode levar à mudança e não a imposição de novos sistemas de trabalho. O presente estudo desenvolveu-se em duas linhas paralelas. Uma relativa ao processo de mudança, e a outra relativa à construção de um modelo de dados
para o Sistema de Informação em Enfermagem, ambas baseadas em três estudos de caso.
A leitura deste livro vai interessar, em especial, os estudiosos de processos
de mudança, designadamente o Capítulo 8 “TEORIA EXPLICATIVA DA
MUDANÇA”.
Como sabemos, pessoas e organizações estão em permanente mudança. Todavia há períodos em que se pretende uma mudança planeada. Embora utilizando as teorias da psicossociologia é da teorização sobre a mudança em enfermagem que este livro trata.
No que respeita à construção do modelo de dados para o Sistema de Informação em Enfermagem este livro constitui uma referência. Abel Paiva, com a sua equipa da Unidade de Investigação (Usine) tem dado continuidade a este estudo tornando-se uma autoridade na área. É membro do “Grupo de Aconselhamento Estratégico do Conselho Internacional de Enfermeiros” para a “Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem”.

Marta Lima Basto
Novembro de 2006